O Natal da minha Aldeia

Ir em baixo

O Natal da minha Aldeia Empty O Natal da minha Aldeia

Mensagem  Homem do Fole em Dom Dez 28, 2008 3:57 am

Aldeia de Santa Margarida. A terra que me viu nascer e crescer e na qual tenho um orgulho imensurável. Neste “ecossitema de bons costumes e velhas tradições”, fui moldando a minha maneira de ser e estar, ao longo de toda a minha infância.

Como particularidades que a distinguem de outras aldeias beirãs, entre muitas artes e ofícios destacam-se algumas que acabam por atribuir designações à própria Aldeia, refletindo o orgulho dos seus habitantes e o reconhecimento dos que a vão conhecendo. A “Terra dos Fogueteiros” ou a “Aldeia das Flores”, são apenas duas delas. A primeira designação prende-se com o facto de existir na Aldeia, desde tempos que poucos se recordam, uma família que ao longo de várias gerações, tem mantido a arte e o engenho da pirotecnia vivo e de boa saúde. A segunda está ligada a um hábito também muito antigo de plantar roseiras, sardinheiras, margaridas e outras plantas de bela floração, em todas as ruas da Aldeia. Curiosamente, cada habitante adorna a frente de sua casa com as plantas que obtiver, junto à parede da casa, retirando apenas uma ou duas pedras da calçada, para poder plantar.
Mas a razão principal que me impeliu a levar até vós esta jóia (ainda por lapidar) da nossa etnografia nacional, foi para dar a conhecer a tradição da quadra que agora se cumpre: O Natal.

Para descrever o Natal da minha Aldeia e aquilo pessoalmente me emociona nesta altura do ano (até agora sempre passada na Aldeia, excepto este ano…), poderia até começar a pensar em iniciar os contactos com eventuais editoras (um livro….hmmm…pensando bem, isso é que era de valor…), mas para já, sem querer tornar extensivo o tema, apelo à vossa curiosidade para visitarem o blog da Aldeia

http://aldeiadesantamargarida.blogspot.com

Aqui poderão ver fotos e vídeos, representativos de alguns aspectos de maior relevância e tradição: O Madeiro, A Missa do Galo, O Balão e “o Fogo” (de artifício, claro). Este blog, brilhantemente gerido por um grande amigo que também é “Filho da Terra”, o Helder Robalo, que pelo facto de também não residir na Aldeia (é jornalista e trabalha no Diário de Notícias do Porto…), conta com a preciosa colaboração de alguns residentes (David Martins, Samuel Pereira, entre outros), os quais vão auxiliando no levantamento in loco dos assuntos de relevo, criando este blog que, para mim e para muitas pessoas que não residem na Aldeia mas que gostam de saber o que se vai passando, é de grande importância. Ao Helder e seus colaboradores o meu sincero Bem Hajam.

Fiquem, para já, com um cheirinho a Natal da minha Aldeia, clicando no link acima mencionado. Como também poderão constatar no blog, este ano e pela segunda vez, o Natal da Aldeia foi brindado com reportagem da SIC.

Boas Festas santa santa santa santa santa santa santa

Queijinhos e Bagaços (que nestes dias de frio até dão jeito para aquecer!!!…) affraid drunken affraid

Rui Reis (Beirão de coração, Setubalense por adopção) Laughing Laughing Laughing
Homem do Fole
Homem do Fole

Mensagens : 78
Data de inscrição : 04/11/2007
Idade : 40
Localização : Só sei de onde venho....Não sei para onde vou.....mas gosto de cá estar! lol

http://www.hortodocampogrande.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

O Natal da minha Aldeia Empty Re: O Natal da minha Aldeia

Mensagem  Eduardo Pereira em Seg Dez 29, 2008 4:00 pm

Grande Rui !!!

Já tive ensejo de visitar esta Aldeia de Sta. Margarida, onde pude observar de perto, não só a região em si, mas também o excelente ambiente familiar em que este menino cresceu .

Embora por pouco tempo, deu pra ver que se trata de uma tipica aldeia Beirã, onde impera o trabalho árduo, ausência de consumismo, já que a preocupação daquelas pessoas está mais virada para as coisas realmente importantes na vida. O amor, a entreajuda, o trabalho ...

Quando são alturas de festejar, aí também têm muito a ensinar. Preserva-se os costumes, as tradições às vezes seculares, o que faz com que também aqueles que estão longe, sintam igualmente motivação de lá estar, pois isso fará recordar tempos já passados e urge passar para os descendentes toda aquela cultura das suas gentes ...

Obrigado por trazeres até às terras do Sado a tua Aldeia.

Se por mais não fosse, só por ter trazido ao nosso convivio este refinado Alcorraz, já Santa Margarida teria muito valor. Claro que a Dorinha teve muito trabalho nisto ...
Eduardo Pereira
Eduardo Pereira

Mensagens : 86
Data de inscrição : 28/11/2007
Idade : 62
Localização : o melhor sítio do mundo ...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum